img_apneia_e_ronco

A apneia obstrutiva do sono é um transtorno respiratório que causa a obstrução das vias aéreas levando o indivíduo a microdespertares noturnos, pausas respiratórias e forte ronco. Como consequência, poderão acarretar alterações funcionais, neurocognitivas e psicossociais como:

  • Sono não reparador;
  • Cansaço e sonolência diurnos;
  • Déficit de atenção e memória (diminuição do sono REM- repousante);
  • Irritabilidade e dores de cabeça;
  • Diminuição da qualidade de vida.

É importante ressaltar que nem todos que roncam obrigatoriamente têm apneia. Porém o ronco pode ser um sinal de alerta.

Tratamento:
Aparelhos intrabucais removíveis utilizados durante o sono, com o objetivo de avançar a mandíbula e com isto prevenir o colapso dos tecidos da orofaringe e da base da língua. Estes aparelhos de fácil adaptação podem reduzir ou até eliminar o ronco e a apeneia durante o sono.