Conheça os 7 piores hábitos para seus dentes

Cuidar da saúde bucal vai muito além da escovação diária ou ida ao dentista regularmente. É necessário ficar atento a alguns hábitos ou manias que prejudicam os dentes.

Roer as unhas e palitar os dentes não são hábitos saudáveis, aparentemente eles soam inofensivos, mas é importante você ficar atento. Abaixo listamos sete hábitos que são prejudiciais ao seu sorriso.

1. Roer as unhas: Roer as unhas é um hábito de muitas pessoas. Em momento de estresse, angustia, tensão, a primeira coisa que elas fazem elevar a mão a boca. O movimento repetitivo pode levar ao estresse algumas estruturas dos dentes, apresentando lascas ou fraturas. A mania de roer as unhas também pode contribuir para a retração da gengiva e até um “encurtamento” da raiz do dente.

2. Morder tampas de caneta: Cuidado com esse hábito de morder as tampas ou pontas das canetas. Em momentos de estresse você pode fazer uma força excessiva que podem causar trincas ou fraturas nos dentes.

3. Palitar os dentes: Você tem esse hábito de palitar os dentes depois das refeições? É melhor largar, pois os palitos traz diversos prejuízos e não faz a limpeza adequada dos dentes. Você pode machucar a gengiva e não eliminar a placa bacteriana.

4. Abrir embalagens com os dentes: Abrir embalagens com os dentes ou até garrafas não é bom para a sua saúde bucal. A força realizada pode estressar a estrutura dos dentes causando trincas e fraturas.

5. Cigarro: Fumar é ruim para a saúde em geral. Os dentes em contato com a fumaça tóxica são os primeiros a sentir os efeitos negativos, isso porque, as substâncias presentes no cigarro diminuem a vascularização dos tecidos moles que envolvemos dentes.

6. Morder alimentos muito duros: Cuidado quando for morder alimentos mais duros, pois você pode quebrar os dentes, e essa fratura pode ser moderado ou grave. O hábito de comer alimentos duros faz com que o dente tenha um desgaste maior.

7. Café em excesso: O café com o tempo pode deixar os dentes com aspecto manchado e envelhecido. O consumo em excesso faz com que escureça os dentes com o tempo.